Roteiro para Palestra

Muitas pessoas têm algum conhecimento, experiência profissional ou de vida muito relevantes, motivadoras, que, com certeza, valem uma palestra.

E como todo bom filme, boa peça de teatro ou vídeo publicitário, todo o projeto de uma palestra precisa de um bom roteiro.

É através do roteiro que o orador conseguirá conduzir o público durante a apresentação em direção ao seu objetivo – e fará isso de forma estruturada, segura, seguindo uma sequência lógica, que tenha ritmo, que seja empolgante e prenda a atenção das pessoas.

A preparação de uma palestra vai muito além de slides em Power Point e aulas de oratória. É preciso sim, ter o que mostrar, mas narrar isso de forma agradável, harmoniosa, instrutiva e marcante – esta é a diferença!

Um roteiro para palestra começa com a escolha de um bom conteúdo, definição do público, tempo e local de apresentação, horário, mensagem principal, mensagens e imagens de apoio, frases-chave.

O conteúdo deve ser bem trabalhado, coerente, não deixando margens para dúvidas, sem clichês desinteressantes, adequado ao estilo do palestrante e ao público de cada apresentação. Uma apresentação sem planejamento corre um grande risco de ficar fragmentada, sem ritmo, desmotivando e dispersando a atenção da plateia.

Dois exemplos de nossos trabalhos foram as palestras corporativas e para crianças e adolescentes preparadas para Alê Montrimas, ex-goleiro profissional.

A palestra para crianças e adolescentes foi, sem dúvida, um grande desafio, por tratar de um tema forte e polêmico: abuso e exploração sexual de crianças e jovens.

Durante o ano de 2014, a Fundação Abrinq realizou o Projeto Jogando Limpo com Nossas Crianças. Uma das ações foi debater com crianças de 10 organizações sociais o tema de exploração e abuso sexual. O goleiro profissional Alê Montrimas realizou palestras sobre o assunto, que é tão recorrente no esporte. “Eu estar me expondo desse jeito, falando como isso acontece, é um grande desafio, porque sei que vou encontrar muitos clubes que irão contra isso, que querem mascarar”, disse.

Suas palestras, realizadas em três dessas organizações participantes do Jogando Limpo, serviram para tratar do assunto com as crianças e os adolescentes, de forma com que tenham consciência de seus direitos. Em meio ao Projeto, educadores das organizações participantes tiveram o desafio de realizar atividades lúdicas que explicassem às crianças e aos adolescentes sobre o tema. (Fundação Abrinq)

Alê Montrinas Fundação Abrinq palestra Fundação Abrinq palestra

 

Para saber mais sobre roteiro para palestras CLIQUE AQUI e entre em contato conosco.

Se você também precisa de ajuda para preparação e criação de um livro para trabalho, veja estas nossas páginas:

Escritor Profissional

Biografia / Autobiografia

Deixe uma resposta